Imprensa / Notícias Simplas
17/03/2021

SIMPLÁS e SIMECS colaboram com a implantação de espaço para atendimento de pessoas com casos leves de Covid-19

Atendimento focado em pacientes com sintomas gripais inicia já nesta quarta.

A partir desta quarta-feira (17/03), a Prefeitura de Caxias do Sul, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), em parceria com o Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico de Caxias do Sul e Região (Simecs) e com o Sindicato das Indústrias de Material Plástico do Nordeste Gaúcho (Simplás), destina a Unidade Básica de Saúde (UBS) São Vicente como ponto de apoio para casos de síndrome gripal não complicada. A duração prevista é de 60 dias e o objetivo é ampliar o atendimento à comunidade, em função do agravamento da pandemia de covid-19.

“A UBS São Vicente simboliza não só o apoio financeiro, que nesse momento é muito importante para o Município, mas também a solidariedade da classe empresarial. Em que pese todas as dificuldades que estão enfrentando, não tem medido esforços. A UBS São Vicente será um ponto estratégico e de grande auxílio no combate à covid-19 pelo tipo de atendimento e por toda a estrutura que está sendo colocada à disposição da população. São estes gestos de participação e união que nos ajudam muito neste momento de tanta dificuldade. O Município agradece e reconhece a importância deste apoio dos empresários", destaca o prefeito Adiló Didomenico.

A UBS São Vicente foi escolhida em função da localização e instalações físicas adequadas. A equipe de saúde será mista, formada por servidores públicos, profissionais cedidos por empresas associadas ao Simecs e ao Simplás, bem como trabalhadores contratados de forma emergencial pelos sindicatos. As duas instituições também contribuíram com a doação de 30 mil testes rápidos e vão doar oito monitores para as Unidades de Pronto-Atendimento (UPAs) e 24 bombas de infusão.

“É um momento crítico que exige nossa união e trabalho conjunto. Seguiremos firmes com essas ações no propósito de contribuir com a sociedade e nossa comunidade nesse cenário delicado”, afirma Paulo Spanholi, presidente do Simecs.

“Este momento é muito delicado e difícil, tanto no que diz respeito à saúde do ser humano quanto à saúde financeira de nossas empresas. Mesmo assim, como empresários, como pessoas, não podemos nos isentar das responsabilidades. Apoiar ações como essa reforça o compromisso da entidade e suas empresas de tentar amenizar a pandemia”, completa o presidente do Simplás, Gelson Oliveira.

Atendimento de segunda a sábado

O atendimento na UBS São Vicente será de segunda a sexta-feira das 7h30min às 20h e aos sábados das 8h às 20h. Os pacientes passarão por triagem e consulta, com oferta de testagem rápida conforme o quadro de saúde no momento do atendimento. Serão ofertadas cerca de 700 consultas por semana.

A Secretaria alerta que o atendimento na UBS São Vicente é focado em pessoas com sintomas gripais e que o teste rápido não é aplicado em pessoas sem sintomas, visto não ser efetivo nesse caso.

A SMS destaca que todas as UBSs do município seguem atendendo também casos de síndrome gripal leve, inclusive com oferta de testes rápidos. Devem procurar a UBS São Vicente somente pessoas com sintomas de síndrome gripal, ou seja, quadro respiratório agudo, caracterizado por pelo menos dois dos seguintes sintomas: febre, calafrios, dor de garganta, dor de cabeça, tosse, secreção nasal, perda de paladar ou olfato, diarreia. Em idosos observa-se também desmaios, sonolência excessiva, confusão mental e fraqueza.

Como a UBS São Vicente passará a oferecer exclusivamente o serviço de apoio para casos de síndrome gripal, todos os demais serviços serão transferidos para a UBS Centro de Saúde, como consultas, curativos e outros procedimentos.

Conheça Nossos Associados