Imprensa / Notícias Simplas
30/08/2017

Missão técnica do Rio de Janeiro vai a Caxias do Sul para conhecer projetos e boas práticas do Simplás

Comitiva da Firjan e do Simperj também visitará empresas Marcopolo, Martiplast e Pisani

Iniciativas do Sindicato das Indústrias de Material Plástico do Nordeste Gaúcho (Simplás) atraíram as atenções da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan) e do Sindicato das Indústrias de Material Plástico do Estado do Rio de Janeiro (Simperj). Durante estas quinta (31) e sexta-feira (1º) uma comitiva de executivos e gestores empresariais que representam o segundo maior PIB entre os estados do Brasil circulará por Caxias do Sul, a fim de conhecer o segundo polo plástico do país em número de empresas – conforme dados do perfil econômico 2016 da Associação Brasileira da Indústria do Plástico (Abiplast).

Na quinta-feira, a programação inclui visitas nas empresas Marcopolo, Martiplast e Pisani. Na sexta pela manhã, a comitiva da Firjan e do Simperj desembarca no Simplás. Trata-se da primeira missão técnica da Federação das Indústrias do Rio organizada neste formato, especificamente voltada para o mercado do plástico. O objetivo é realizar benchmarking, identificar ambientes de gestão, inovação, tecnologias, tendências e negócios que inspirem e conduzam ações que possam ser replicadas para a realidade da indústria do Rio de Janeiro e para o Sistema Firjan.

“Já houve missões concentradas em outros setores, mas identificamos um forte interesse nos temas trabalhados pelo Simplás, principalmente com foco nos indicadores econômicos, novos projetos, boas práticas de gestão. A ideia é conhecer e levar experiências do Simplás e das empresas da região que possam ser úteis para as indústrias do Rio”, explica a analista da Gerência Geral de Desenvolvimento Setorial da Firjan, Elaine Silva.

Para o presidente do Simplás, Jaime Lorandi, todo intercâmbio é valioso e imprescindível a qualquer atividade humana, por natureza.

“Ainda mais em um momento econômico difícil e cheio de incertezas como o que vivemos, é extremamente importante compartilhar conhecimento, informações e experiências. Diante de tantas dificuldades, a indústria brasileira precisar trabalhar unida para superar desafios e retomar o crescimento”, avalia o dirigente.

O programa da delegação fluminense no Rio Grande do Sul ainda inclui atividades na Região Metropolitana antes e depois de passar por Caxias do Sul. Na quarta-feira (30), o grupo deve visitar o Sindicato das Indústrias de Material Plástico no Estado do Rio Grande do Sul (Sinplast), em Porto Alegre, o Centro de Tecnologia e Inovação da Braskem, em Triunfo, e o Grupo InBetta, em São Leopoldo. Já na sexta-feira-feira à tarde, está prevista uma passagem pelo Instituto Senai de Inovação em Engenharia de Polímeros, em São Leopoldo.

Sobre o Simplás

O Sindicato das Indústrias de Material Plástico do Nordeste Gaúcho (Simplás) representa mais de 400 empresas de transformação que geram cerca de 9,5 mil empregos diretos em oito municípios (Caxias do Sul, Coronel Pilar, Farroupilha, Flores da Cunha, Garibaldi, Nova Pádua, São Marcos e Vale Real), com estimativa de faturamento anual superior a R$ 3 bilhões. Em um raio de 50 quilômetros, a área de abrangência do Simplás apresenta a maior concentração de indústrias de transformação de plástico do Brasil.

 

Crédito das fotos (identificação no nome dos arquivos):

Marcopolo – Douglas de Souza Melo

Martiplast – Neli Alvanoz

Pisani - Divulgação

Conheça Nossos Associados